top of page

Cafeína: o que é e como o suplemento ajuda a melhorar desempenho no treino

Atualizado: 6 de mai.



Muitas pessoas acordam pela manhã e logo buscam a primeira dose de café para conseguir despertar de vez. Esse efeito acontece graças à cafeína, um fitoquímico com ação estimulante capaz de aumentar o estado de alerta e a concentração. E os efeitos da substância podem ajudar quem pratica exercícios físicos a ter mais gás no treino. O composto ganhou tanto destaque nas últimas décadas que foi tema de centenas de estudos. E ainda saiu da lista de substâncias restritas pela Agência Mundial Antidoping e passou a fazer parte das recomendações do COI (Comitê Olímpico Internacional). Isso mesmo, o suplemento é indicado para os atletas! Conheça mais sobre os benefícios e os cuidados ao consumir a cafeína.


O que é a cafeína? É uma substância química de característica oleosa, que pertence ao grupo das xantinas. Ela está naturalmente presente no café e em alguns outros alimentos, como a erva-mate, o chá-verde, o guaraná e o cacau. Também comercializada como suplemento para atletas, a cafeína tem como principal característica a sua ação estimulante no sistema nervoso central, contribuindo para melhorar o foco, o raciocínio e o desempenho esportivo.

Como o suplemento é vendido: cápsula, pó ou comprimido? Na indústria, o composto bioquímico é isolado e recebe o nome de cafeína anidra. Então, é fornecido em pó para as empresas fabricantes de medicamentos e suplementos produzirem cápsulas, comprimidos e tabletes; ou ainda misturarem como ingredientes em produtos, entre eles, pré-treinos, géis de carboidrato e termogênicos.


Na indústria alimentícia, além dos produtos feitos com café, erva-mate, chá-verde, guaraná e cacau, a cafeína está presente em bebidas energéticas e refrigerantes à base de cola.


Quais os benefícios da cafeína para atletas? Por ser um potente estimulante do sistema nervoso central, o composto bioativo gera uma série de efeitos no organismo, como a melhora da cognição, da concentração e do estado de alerta. Contudo, seus efeitos são individuais e envolvem vários fatores, entre eles, a genética e o peso corporal.


No meio esportivo, a substância ganhou bastante espaço entre os atletas principalmente devido à sua capacidade de potencializar a contração muscular e aumentar a tolerância ao esforço físico intenso, adiando o cansaço e contribuindo para o atleta permanecer na atividade por mais tempo. Isso porque a cafeína aumenta a secreção de hormônios que causam um estado de excitação, além de estimular a broncodilatação dos alvéolos, melhorar a capitação de oxigênio e otimizar sua utilização durante o exercício.


A cafeína também vem se destacando em alguns estudos por seus efeitos analgésicos, já que altera a percepção de dor durante o exercício. Por esse motivo também ela acompanha a fórmula de alguns medicamentos, otimizando sua ação no organismo. Inclusive, a substância já é indicada por alguns nutricionistas para ser consumida entre quatro e seis horas depois do final da atividade a fim de reduzir a dor de início tardio.


A cafeína tem vantagens para a saúde? Sim. Outra propriedade desse fitoquímico é estimular a produção de hormônios ligados à sensação de prazer e bem-estar em algumas pessoas quando consumida moderadamente. Isso também teria um efeito protetor sobre os neurônios e ajudaria a prevenir processos de degeneração cerebral que levaria ao Parkinson.


Mas não é só. Trabalhos mostram que ela é capaz de contribuir para a saúde ao inibir o crescimento de células tumorais, contribuindo para a prevenção de alguns tipos de câncer, entre eles, o câncer colorretal o de ovário e o de fígado, como mostram algumas pesquisas.


A cafeína também é usada em tratamentos e produtos para reduzir gordura localizada e celulite, uma vez que tem uma grande penetração na pele e contribui para a quebra das células gordurosas. E ainda compõe a fórmula de alguns produtos antirrugas devido ao seu poder antioxidante, oferecendo um efeito protetor nas estruturas que sustentam a pele.


Para quem é indicado o suplemento de cafeína? A suplementação de cafeína é indicada para os atletas, já que várias análises confirmam que o consumo da substância "pura" traz benefícios principalmente para o bom desempenho nos esportes de média e longa duração (corrida, ciclismo, triatlo), como mostra uma revisão de 40 estudos publicada no Journal of Science and Medicine in Sport.


Quem pratica atividades de alta intensidade e explosão (musculação, corrida de 100 m, saltos) ou esportes coletivos com intervalos entre o esforço (vôlei, basquete e futebol) também podem se beneficiar ao melhorar a concentração, o foco e diminuir o tempo de reação, possibilitando uma tomada de decisão mais rápida. No entanto, é importante reforçar que, assim como qualquer outro suplemento, a substância deve ser consumida sob orientação de um nutricionista esportivo e que seus efeitos são percebidos desde que a pessoa não consuma a cafeína habitualmente, já que o organismo acaba se acostumando com sua ação.


Adquira sua cafeína agora mesmo no nosso site:


572 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page